<BODY><iframe src="http://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID=35255839&amp;blogName=Spa+da+Andreia&amp;publishMode=PUBLISH_MODE_BLOGSPOT&amp;navbarType=BLUE&amp;layoutType=CLASSIC&amp;homepageUrl=http%3A%2F%2Fspa-da-andreia.blogspot.com%2F&amp;searchRoot=http%3A%2F%2Fspa-da-andreia.blogspot.com%2Fsearch" marginwidth="0" marginheight="0" scrolling="no" frameborder="0" height="30px" width="100%" id="navbar-iframe"></iframe> <div id="space-for-ie"></div>

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Extra!!!!!!

Bom Dia Meninas!!!


Comunico a todas que fazem parte do Desafio R.A em Mãos e também aquelas que desejam participar, que o nosso blog tem um novo endereço:

http://desafioraemsuasmaos.blogspot.com


Beijos

Kécia

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Poster Extra

Olá Meninas!!!!


Esclarecimento;

Gente o blog Desafio R.A em Mãos, não acabou estou fazendo algumas modificações e logo retornaremos com muitas novidades.

OBS: Podem deixar seus pesos nesta pastagem que logo atualizarei a tabela, também para novas participantes que realmente estão dispostas a se comprometer com o Desafio podem fazer suas inscrições nesta pastagem, lembrando que para isso devem deixar: Nome, e-mail, end. do blog, e o peso.

Beijos



Kécia

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Pense como magra e dê adeus à gordura

Está na hora de agir como quem quer emagrecer e se livrar de uma vez por todas dos quilos extras


Photobucket



Você faz um enorme esforço, perde alguns quilos e fica toda empolgada com o resultado. Depois de algum tempo, porém, a força de vontade diminui e, quando vê, seu corpo já recuperou todo o peso de volta. Se isso lhe pareceu familiar, provavelmente você faz parte do grupo de pessoas que emagrecem o corpo, mas que continuam pensando como gordos.

"A única forma de conseguir resultados permanentes é passar a pensar como uma pessoa magra", afirma a nutricionista Teresa Labanca, do Hospital Balbino, no Rio de Janeiro. Ou seja, para chegar lá, é preciso adquirir novos hábitos e ter atitudes de quem está de bem com seu corpo, como:

Não pule refeições. O primeiro mandamento para quem busca o peso ideal é alimentar-se regularmente: no mínimo quatro refeições por dia. Os horários não precisam ser obedecidos à risca, mas não fique mais de quatro horas sem comer. "Quando você fica em jejum, o seu organismo libera substâncias de estresse. Essa é a principal razão para aumentar a compulsão alimentar", diz Teresa.

Apague os pensamentos gordos. Na próxima refeição, tente separar o que é fome e o que é gula. "Durante o almoço, antes de terminar o prato, faça uma pausa de 3 minutos. Se sentir vontade de comer, possivelmente é fome. Mas se achar está satisfeita, é gula", explica Fernanda Pisciolaro, nutricionista e membro da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica, ABESO.

Tenha um diário. É comum ouvir pessoas que estão de dieta dizerem: "Não sei por que não emagreço, eu só almocei salada". Muitas delas se esquecem de mencionar o cafezinho depois do almoço. Por isso, a melhor maneira de identificar os próprios deslizes e, conseqüentemente, corrigi-los, é anotando no papel tudo o que você come ao longo do dia.

Treine o autocontrole. Basta um aniversário na família para que toda a sua dedicação alimentar vá por água abaixo. "Você não precisa passar vontade, mas precisa ter autocontrole", afirma Fernanda. "Em vez de comer no automático, faça planos do que vai comer: 1 lanche, 5 salgadinhos e 2 brigadeiros, por exemplo", ensina a nutricionista.
Revista AnaMaria

Beijos

Kécia

segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Tarefa da Semana

Olá Moranguetes !!! Está semana é a ultima da nossa 1ª etapa, e tenho notado o progresso de muitas meninas, mais também a dificuldade de algumas em eliminar o peso ou mesmo manter-lo.

As veses costumamos questionar o porque não estou eliminando peso se estou fazendo tudo certinho,comendo só isso e aquilo, mais que na verdade na correria do dia dia comemos mais do que deveríamos não exatamente nas principais refeições mais sim entre elas; é aquele sorvete no shopping, aquela fatia pizza que ficou esquecida na geladeira, uma bolachinha, um pedacinho de bolo um chocolate no meio da tarde enfim coisas que passam despercebidas que ao colocar na balança só fazem somar;



Então minha proposta é nesta semana anotar tudo o que você comer durante o dia, sem esquecer de nada nem das balinhas depois do almoço e a tarde, e vamos ver o que está errado; isso vai ajudar bastante a vc entender o porque do ponteiro da balança não está descendo.


Photobucket

Que todas tenham uma semana divina e sem exageros.

Kécia

sábado, 9 de agosto de 2008

Cuide da sua beleza enquanto dorme

Olá Moranguetes!!! Mais um fim de semana se aproximando... que bom é poder relaxá, e aproveitar um merecido descanso não é verdade; mais cuidado lembrem que sábado e domingo são dias comuns como qualquer outro, então nada de exageros certo.

Então vamos a mais uma dica de beleza!!

Photobucket


Você dormiu super bem, teve uma noite de sono incrivelmente perfeita, não acordou uma vez sequer para beber água ou ir ao banheiro. Só que quando levanta de manhã e se olha no espelho, o pesadelo começa: você vê um rosto inchado e um cabelo tão bagunçado que não lembra em nada o visual estonteante com o qual você foi dormir.

Para não correr o risco de passar novamente por esse susto, trate de começar a aproveitar a noite para cuidar do seu visual. Mas não será preciso passar horas em claro aplicando cremes e afins.

Graças aos avanços da indústria cosmética (e dos truques caseiros), é possível tratar do corpo, rosto e cabelo enquanto você desfruta suas horas de sono. Confira a seguir o que você pode fazer em prol da sua beleza enquanto descansa, e comece seu dia muito mais bonita.

Lute contra a idade
Ninguém gosta de ter rugas e linhas de expressão. Por isso, lance mão dos cremes faciais noturnos para reverter (ou prevenir) o problema. "Esses produtos contêm ácidos que possuem capacidade de remover as células mortas e de promover uma melhora geral na pele, visando o seu rejuvenescimento e amenização de manchas e outros sinais do envelhecimento", explica a dermatologista Kátia Castello Branco, da Clínica Dermatológica da Barra.

A aplicação desses cosméticos é bem simples: basta lavar bem o rosto e depois espalhar um pouco do creme com a polpa dos dedos, ao mesmo tempo em que realiza uma suave massagem circular ascendente. Já no primeiro dia de uso, você vai sentir o rosto com um toque mais suave. Depois do primeiro mês é nítida a melhora geral do visual.

Mas vale lembrar que esses produtos jamais devem ser usados durante o dia. "Eles são mais concentrados e contêm ácidos que deixam a pele mais sensível a luz do sol", alerta a dermatologista Juliana Lucas, da clínica AV Dermatologia. Portanto, se não quiser ganhar novas manchas, reserve o uso desse cosmético para o horário certo.

Abaixo a celulite
A guerra contra a nossa inimiga número um deve durar 24 horas por dia. Afinal de contas, quanto mais frentes de ataque criarmos, maiores as nossas chances de detonar os furinhos. Por isso, antes de colocar o pijama, lambuze seu corpo com cremes específicos para combater o problema.

Mas atenção, para que os princípios ativos penetrem profundamente na derme, lembre-se de realizar uma massagem com movimentos vigorosos - o que também ajudará a relaxar e eliminar o inchaço.

Hidrate o corpo
Vamos combinar que é bastante difícil viver longe do ressecamento cutâneo, já que hoje em dia praticamente todos os ambientes contam com ar-condicionado (do carro ao escritório, passando por restaurantes e baladas). Por isso, aplique um bom hidratante no corpo inteiro antes de ir para cama.

Melhor ainda se o creme em questão unir princípios da aromaterapia - assim você consegue acalmar a mente ao mesmo tempo em que providencia a hidratação da cútis.

Garanta pés lisinhos
Sabe aquela aspereza que insiste em se instalar nos calcanhares? Mas ela pode estar com os dias contados se você colocar em prática a dica da terapeuta estética Maria Regina Souza: faça uma boa exfoliação e depois espalhe um creme específico rico em uréia, ativo com alto poder de hidratação.

Vista uma meia para abafar o local e ajudar na penetração mais rápida do produto. Ao levantar de manhã, basta tirar a meia e notar a área mais macia. Você pode repetir esse processo todos os dias até sentir que o problema foi sanado. Depois, como manutenção, repita o feito apenas uma vez por semana.

Longe das olheiras
O visual ursinho panda não é nada bacana. Por isso, aposte nos cremes antiolheiras antes de dormir. Agora, se você fizer a linha mais natureba, também pode recorrer a receitas naturais bastante eficientes, como compressas com chá de camomila.

"Faça a bebida superconcetrada - 200 ml de água para três sachês de chá. Coloque na geladeira até esfriar bem. Depois, basta embeber dois chumaços de algodão e repousá-los sobre os olhos durante dez minutos", ensina a dermatologista Maria Bussade.

Inchaço zero
Esse truque talvez seja um dos mais antigos. Mas acredite, ele é extremamente eficiente. Coloque uma lista telefônica nos pés da cama para deixá-la mais elevada. Isso fará com que o fluxo da circulação sangüínea ocorra com mais facilidade, o que ajuda a manter o inchaço bem longe, assim como varizes e vasinhos.

Outra alternativa para conseguir esse mesmo efeito é dormir com as pernas sobre três travesseiros - mas atenção para não jogá-los para fora da cama durante a noite.

Fim da brancura
Esqueça o sol se você pretende ficar bronzeada. Com a ajuda dos auto-bronzeadores você garante uma "morenice" digna de quem passou uma temporada passeando pela Costa Amalfitana, na Itália.

Mas para que o resultado fique perfeito, e o produto não meleque seu lençol, é essencial que você espalhe o autobronzeador de maneira uniforme. Espere 20 minutos e somente depois vista seu pijama e vá tranqüila para cama, certa de que acordará com uma cor incrível.

Recupere os fios
Nem só de máscaras de hidratação vive o universo dos tratamentos capilares. Acaba de chegar ao mercado o primeiro leave-in noturno para resgatar o brilho e saúde dos fios. O Noctogenist, da Kérastase, contém fórmula com complexo crono-ativo que recupera e protege as fibras capilares das agressões sofridas durante o dia.

O melhor de tudo é que o produto pode ser aplicado sobre os fios secos (e o visual não fica nada seboso) ou úmidos. E pode ficar despreocupada que o creme não mancha a fronha do travesseiro.

Revista Plástica & Beleza

terça-feira, 5 de agosto de 2008

Malhar em jejum ou passar mais de quatro horas sem comer engorda


Photobucket




Nutricionista desvenda sete mitos sobre a mania de ficar em jejum

Se você é do time que pensa no jejum como alternativa poderosa contra os quilos extras, saiba que está embarcando numa roubada. Deixar de comer compromete uma série de funções vitais e não ajuda em nada na dieta , afirma a nutricionista do Minha Vida, Karina Gallerani. Isso porque o jejum prejudica o metabolismo (conjunto de transformações que as substâncias químicas do alimento sofrem em nosso organismo). E são essas reações que permitem a célula transformar os alimentos ingeridos em energia.

A quantidade de calorias ou energia gasta durante o repouso (usada pelo corpo para fazer para funcionar órgãos como coração, cérebro, pulmões e intestino) é chamado de metabolismo basal. O metabolismo basal pode variar de acordo com a composição corporal de cada pessoa, assim como a idade, sexo e prática de atividades físicas. Mas o jejum prolongado tende a diminuir esse metabolismo, interferindo no gasto de energia , diz Karina.

Para entender melhor as conseqüência de ficar muito tempo sem comer, confira a lista de mitos que a especialista desvenda abaixo. Ela revela o intervalo ideal entre uma refeição e outra, explica a relação entre estômago vazio e mau hálito e alerta para os perigos de ficar, diariamente, sem tomar café-da-manhã.

1. Fazendo exercícios em jejum, emagreço mais rápido.
Falso. Durante a execução dos exercícios físicos, se você estiver em jejum, seu nível de glicose no sangue pode estar muito baixo (hipoglicemia). Então, seu organismo vai passar a consumir proteínas. Você perde massa magra (músculos), diminui seu metabolismo e acaba ficando mais fraco. A performance cai e o desgaste físico e emocional aumenta. Em condições normais, com alimentação equilibrada, o organismo consegue manter este equilíbrio interno. No entanto, a o jejum prolongado pode comprometer esse balanço energético.

2. Ficar muito tempo sem comer deixa o metabolismo mais lento. Verdade. Depois de muito tempo sem comer, o metabolismo passa a funcionar mais lentamente, como tentativa de economizar energia. Como conseqüência, na próxima refeição, a tendência é acumular mais gordura. O ideal é não ficar sem comer por mais de 4 horas, distribuindo as refeições durante o dia.

3. O jejum acelera os resultados da dieta.
Falso. As pessoas normalmente relacionam a dieta como algo muito restritivo, acreditando erroneamente que a reeducação alimentar proibirá o consumo de certos alimentos. Embora uma boa alimentação possa ter certas limitações, não há proibições absolutas.

4. Ficar em jejum causa dor de cabeça.
Verdade. O cérebro não tem qualquer reserva energética e por isso, independente do estado nutricional é necessário que haja um suprimento de glicose, provenientes principalmente de alimentos fontes de carboidratos para este tecido. Situações de hipoglicemia, por exemplo, onde ocorre uma redução dos níveis de glicose sanguínea, podem acarretar perturbações no funcionamento do sistema nervoso central, que vão desde cefaléia, incoordenação de fala e motora, até alterações no eletroencefalograma e coma.

5. Ficar três horas sem comer não prejudica o organismo.
Verdade. Períodos curtos de jejum (de uma a três horas sem comer) não acarretam problemas. Esse é o tempo médio que o organismo leva para realizar a digestão e conseqüente absorção dos alimentos. Mas pessoas com tendência a hipoglicemia devem se alimentar a cada duas horas. Do contrário, podem surgir sintomas como visão turva, cefaléias, enjôos, vômitos, tremores.

6. Pular o café-da-manhã diminui a capacidade raciocínio. Verdade. Jejuns superiores a quatro horas podem resultar em lentidão dos movimentos, raciocínio confuso, perda de memória, dores musculares e de cabeça, tontura e até mesmo desmaios em alguns casos mais graves. Quem persiste em tornar o almoço a primeira refeição do dia, está expondo o organismo a mais de doze horas em jejum. Esse estado metabólico também pode favorecer consideravelmente o aparecimento de infecções já que o organismo está fraco devido a falta de nutrientes.

7. Ficar em jejum durante o dia causa mau hálito
Verdade. A presença do mau hálito, decorrente da acidose metabólica (excesso de acidez no sangue caracterizada por uma concentração anormalmente baixa de carboidratos) é decorrente a jejuns superiores a seis horas. Esta característica é bem comum em pacientes com diabetes. Os mecanismos de compensação realizados pelo organismo em situações de acidose é uma respiração mais profunda e rápida: o organismo tenta livrar o sangue do excesso de ácido reduzindo a quantidade de dióxido de carbono. Os rins tentam excretam mais ácido na urina. Quando estes dois mecanismos não conseguem estabelecer a homeostase e o corpo continua a produzir ácido em demasia, instala-se um quadro de acidose grave e, em última instância, o coma.

Beijos

Kécia

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

TAREFA DA SEMANA

Olá Moranguetes!!!

Como combinado a tarefa desta semana foi indicada pela Tânia; que a seguinte:

Se na vida você tivesse uma oportunidade única de mudar apenas uma coisa em seu corpo o que mudariam?


Photobucket


Moranguetes desculpas pelo atraso na atualização da tabela dos pesos, estava com um probleminha no PC.

Beijos e que todas tenham uma semana divina.

Kécia

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Maquiagem !!

Olá Moranguetes!!

Estou de volta com mais uma dica de beleza. Hoje vamos ver algumas dicas de maquiagem um item muito importante no visual.

Photobucket

Maquiagem passo a passo


Quer aprender o básico de maquiagem? Vamos lá, o maquiador Cayo Lanza, de São Paulo, ensina passo a passo como realçar o rosto feminino no dia-a-dia:

1 - Limpar: é o mais importante. Nenhuma pele deve ser maquiada se não for limpa. Em seguida, tonificar e hidratar. Cada pessoa sabe as necessidades de sua pele. Pode ser que ela não precise dessas duas coisas ou necessite de mais atenção nesta etapa.

2 - Corretivo: aplicar na área dos olhos pelo menos um tom mais claro que a pele. Passe-o também nas imperfeições, como manchas e espinhas.

3 - Base: tom da pele. Aplique delicadamente, de preferência com uma esponja. Opte pelas bases transparentes, mais finas e sem óleo. “Fique de olho na uniformidade. Quem tem pele mais oleosa pode deixar a base de lado e aplicar direto um pó facial”, diz Lanza.

4 - Pó facial: ótimo para equilibrar o brilho da pele e dá um acabamento acetinado à base.

5 - Blush: a tentação de todas as mulheres. Escolha a cor que mais lhe agrade e passe logo abaixo dos olhos em direção à boca. Cuidado para não exagerar.

6 - Lápis de olho: passe dentro dos olhos. Para o dia, as cores marrom ou preta são ideais.

7 - Rímel: passe de cima para baixo dos cílios.

8 - Gloss: prefira cores claras.

Pronto! Sua maquiagem está completa.
Antes de sair de casa, não esqueça de levar o pó facial e o gloss, caso precise de retoques. Já o blush, Cayo Lanza aconselha deixar em casa.
“As mulheres têm mania de carregar o blush para lá e para cá. Aplicá-lo toda hora só sobrecarrega a maquiagem”,afirma o maquiador.

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Photobucket


O que quer dizer cada uma?

Fome física, ou do estômago, é a fome fisiológica; nossa necessidade de reabastecimento. É a fome que sustenta a vida.

Fome emocional, ou psicológica, é a fome que não tem ligação com a sustentação da vida. Implica em comer "apenas por que a comida está lá"; "porque alguém se preocupou em prepará-la"; "porque paguei pela comida", "porque tenho pena de jogar fora"; "porque me sinto ansioso"; "porque estou triste, frustrado, feliz, etc...". Por fim, a fome emocional é a que nos faz comer mais e mais, apesar de já estarmos satisfeitos ou até passando mal. É ela que nos faz engordar.

Aprendendo a reconhecer cada uma
Para ajudar em seu emagrecimento é essencial aprender a reconhecer a diferença entre fome física e fome psicológica, e passar a comer apenas pela fome do estômago. Geralmente as pessoas compulsivas alimentares comem pela fome emocional e por isso engordam. Se sua mão, ou sua mente, movem-se em busca de comida quando você não está com fome, você é considerado uma pessoa compulsiva alimentar.

Para curar seu problema alimentar e emagrecer, é preciso que você restabeleça a ligação entre o alimento e a fome física, ou do estômago, ou seja, parar de procurar comida quando não estiver com fome, e se permitir comer quando tiver fome física, sem restrições alimentares (sem dietas proibitivas).

A cada vez que se alimenta quando seu estômago exige, você está realizando duas tarefas importantes: você nutre-se fisiológica e emocionalmente. Para isso: a cada vez que quiser comer, deve-se perguntar: "Estou com fome?"

Por mais simples que pareça essa pergunta, para as pessoas compulsivas, ela é muito complexa, pois, em geral, a última coisa em que pensam quando procuram comida é na fome.

Muitas vezes, a sensação de fome do estômago significa, para as pessoas que passaram muita privação na vida (principalmente as que já passaram e passam por dietas proibitivas) uma lembrança dos tempos ruins. Não conseguem sentir fome sem lembrar de todas as outras emoções que sempre acompanharam essa sensação.

Abandonando a compulsão
Para comer "normalmente", deixar de ser um compulsivo e emagrecer, você precisa agir como uma pessoa que se alimenta de maneira normal e colocar a comida, de novo, em seu devido lugar.

Toda criança sabe pedir comida quando tem fome e parar de comer quando satisfeita. Crianças seguras aprenderam, através de incontáveis seqüências de sentir fome e serem alimentadas, que o mundo responde às suas necessidades de maneira confiável. Na verdade, cada vez que uma criança faminta chora e é alimentada, reforça-se a mensagem de que suas necessidades serão satisfeitas e, em conseqüência, ela se torna um pouco mais forte psicologicamente.

Infelizmente, em determinado ponto do caminho entre a infância e a idade adulta, (existem várias causas para a compulsão alimentar), sua capacidade de reconhecer e aplacar a fome do estômago foi vencida pela compulsão de comer.

O primeiro passo a dar para retomar o antigo esquema de alimentar-se por necessidade é:

* Esperar sentir a fome do estômago, e não seguir um horário pré-determinado para se alimentar (ex.: hora do café da manhã, almoço ou jantar).
* O que de fato importa é que você se alimente de acordo com a fome, e não, de acordo com o relógio.
* Não pensar em "dieta" quando sentir a fome física.
* Não se privar.
* A privação leva à compulsão alimentar.

Por enquanto seu objetivo deve abandonar qualquer interferência externa como tabelas calóricas e horários de refeição. Sua referência deve ser interna (se perceber), e assim, o seu corpo o encaminhará nesse processo.

Alguns compulsivos temem iniciar esse processo, pois temem a intensidade da fome, e que essa os levem ao descontrole alimentar. "E se a minha fome não for saciada?". A única fome insaciável é a psicológica.

Muitos compulsivos não se permitiram esperar sentir fome física, pois ressentem ter de confiar em si mesmos para sua nutrição, o que é normal, pois quantas dietas eles já iniciaram e não foram capazes de chegar ao final, ou quando chegavam, voltavam a comer compulsivamente e a engordar? Na verdade, os compulsivos não têm base para confiar em si mesmos como provedores.

Se você está entre aqueles que temem a sensação de fome do estômago, deve enfrentar este medo e observá-lo de forma objetiva. De maneira realista. A fome fisiológica é uma sensação fácil de ser cuidada com a quantidade adequada * de comida. A cada vez que você se alimenta pela fome do estômago, demonstra a si mesmo que é capaz de satisfazer suas necessidades e ir adquirindo a autoconfiança.

Não se recrimine, não se xingue, não se culpe se acontecer (o que é provável) de você comer por emoção. Apenas perceba que o fez e se proponha tentar novamente esperar a fome física. Saber que pode contar com alguém tão atento e carinhoso quanto você mesmo irá diminuir sua necessidade de recorrer à comida quando estiver com problemas. Quanto mais comer pela fome física, menos precisará comer pela fome emocional.

O número casa vez maior de experiências da alimentação pela fome do estômago terá um efeito cumulativo, e com isso, a cura para a sua compulsão, o que resultará em seu emagrecimento, manutenção definitiva de seu peso e melhor qualidade de vida.

* Para saber a quantidade necessária, experimente o seguinte:

a) Espere a fome (física) para comer (perceba-se);
b) Coma devagar. Mastigue bem. Dessa forma a saliva pode cumprir o seu papel na digestão (a digestão se inicia na boca, e não no estômago). A mastigação lenta aciona o mecanismo de saciedade, que funciona assim: quando a quantidade necessária de comida chega ao estômago, esse envia mensagens químico-elétricas através de neurônios e hormônios até o hipotálamo (região do cérebro que responde pelo comando das principais atividades do metabolismo). A mensagem de "chega" dispara, então, a sensação de satisfação plena do apetite. Como todo esse processo leva algum tempo (minutos), recomenda-se comer devagar. Assim, atinge-se a saciedade com menos comida. Se você acha difícil, passe a repousar os talheres no prato a cada garfada.

Beijos

Kécia

segunda-feira, 28 de julho de 2008

TAREFA DA SEMANA

Olá Moranguetes!!!

A Tarefa da semana passada foi que cada moranguete sugeri-se uma tarefa para ser feita;e três moranguetes ficaram entre as melhores Danielle Balata, Tânia e a Pérola obrigada as outras moranguetes por participarem, é esse o propósito do Desafio que todas possam de alguma maneira fazer realmente parte dele, continuem mandando sugestões elas serão muito bem aceitas.

Então vamos a Tarefa desta semana sugerida pela Danielle Balata.
Qual a dieta mais maluca que você já fez em toda sua vida?


Photobucket


OBS: Não esqueçam de postar em seus blogs e de deixar seu peso no comentário deste poster.
Moranguetes vamos fazer uma visitinha a nossa amiga Tágide ela está dodoi.
Beijos

Kécia